OK
Há muito para se ver e fazer em Porto Alegre, metrópole global e completa que não perdeu de vista a qualidade de vida. E há coisas imperdíveis para quem quiser conhecer o melhor da capital gaúcha, como o histórico Mercado Público Central, movimentadíssimo espaço de compras e gastronomia, os 72 km da orla do Lago Guaíba e seu consagrado por do sol e o cardápio de diversidade oferecido pela noite porto-alegrense, capaz de atender variados gostos, do sofisticado ao mais irreverente. Entre as cidades mais arborizadas do país e segunda capital com a maior área rural preservada, Porto Alegre também é ideal para o turismo rural e para quem curte a vida ao ar livre.

Abaixo, a lista dos “imperdíveis” de Porto Alegre. Para selecionar atrativos por segmento, utilize o filtro de pesquisa à direita.
» Santander Cultural

De terça a sábado, das 10h às 19h. Domingos e feriados, das 13h às 19h.

Instalado na Praça da Alfândega, coração da capital gaúcha, o Santander Cultural é um dos mais completos e modernos espaços culturais da capital gaúcha e referência no país. Em seus três andares acontecem exposições temporárias de arte contemporânea nacionais e internacionais, shows de música popular, sessões de cinema e mostras de arte. A  cada dois anos, também tem servido de espaço para exposições e instalações da Bienal do Mercosul.

O prédio foi construído em 1932 para ser sede de um banco, e muitos espaços característicos da instituição financeira foram criativamente transformados. No subsolo, os antigos cofres foram transformados em sala de cinema, no sofisticado Café do Cofre e no Moeda bar e Restaurante. 

O contrataste da arquitetura predominantemente neoclássica do prédio com o estilo contemporâneo das exposições de arte já é um programa à parte. Escadarias de mármore conduzem a um grande salão central iluminado por uma clarabóia com magníficos vitrais de origem francesa. Em 2008, o Santander Cultural foi eleito, por meio de votação popular, como o patrimônio arquitetônico mais significativo de Porto Alegre.

Rua Sete de Setembro, 1028 - Centro Histórico
(51) 3287.5500

» Orla do Guaíba

O Lago Guaíba é a mais forte expressão geográfica de Porto Alegre e marca da identidade paisagística da cidade. A orla fluvial soma 72 Km de extensão e é um dos espaços de lazer ao ar livre mais movimentado da cidade.

Vários barcos fazem passeios pelo Guaíba e canais do Delta do Jacuí, conjunto hidrográfico de 16 ilhas, canais, pântanos e charcos que se formam a partir do encontro dos rios Gravataí, Sinos, Caí e Jacuí. São as águas que passam pelo Delta que formam o lago Guaíba, cujas águas seguem para a Laguna dos Patos e, na seqüência, para o Oceano Atlântico. Os passeios oferecem uma das mais belas vistas da capital gaúcha e dos grandes armazéns amarelos do Cais Mauá que ressaltam a origem portuária da cidade.

Outra excelente opção para curtir o principal cartão postal de Porto Alegre é a praia de Ipanema, na Zona Sul, caminhando pelo calçadão do bairro às margens do lago ou em um dos muitos bares e restaurantes da orla. É um dos pontos da cidade mais perfeitos para comprovar a beleza do por do sol do Guaíba, cantado em prosa e verso pelos porto-alegrenses como um dos mais lindos do mundo.


» Praça da Alfândega

É uma das praças mais famosas da cidade e de grande valor histórico. Atualmente a praça recebe, de segunda a sábado, a Feira da Alfândega, com artigos em couro, metal, vidro e lã. Nos meses de outrubro e novembro, dá lugar à maior Feira do Livro a céu aberto da América Latina.

Construída no fim do século 18, foi um dos primeiros sítios de ocupação dos açorianos que iniciaram a fundação da cidade. Famosa pelas grandes paineiras, ipês e jacarandás, a Praça da Alfândega abriga no circuito entre as ruas da Praia, a mais antiga do Centro Histórico, e 7 de Setembro, belos prédios históricos ocupados por espaços culturais de primeira linha, a poucos passos um do outro: o Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli (Margs), o Santander Cultural e o Memorial do Rio Grande do Sul. Seguindo pela Rua da Praia, pode-se visitar também a Casa de Cultura Mario Quintana.

E por falar no poeta, vale conferir o grupo de esculturas de Quintana e Carlos Drummond de Andrade realizado por Francisco Stockinger, junto a um banco da praça.

Desde 1955, na segunda quinzena de outubro a histórica Alfândega se transforma num dos locais mais movimentados e disputados da capital. É a Feira do Livro de Porto Alegre, a maior do gênero na América Latina, que toma conta da praça e movimenta milhares de pessoas em torno das centenas de bancas de editoras e livrarias, shows de música, dança e teatro que acontecem diariamente, ocupando também outros espaços próximos.

Praça da Alfândega, s/nº - Centro Histórico
(51) 3289.7500

» Linha Turismo

Roteiro Centro Histórico: De terça a domingo, às 9h/10h/11h/12h/13h/14h/15h/16h

Roteiro Zona Sul: De terça a domingo, às 10h30 (com mínimo de 10 passageiros) e 15h.

Porto Alegre foi a primeira cidade brasileira a colocar em circulação um ônibus de dois andares panorâmico para passeios turísticos. O city tour Linha Turismo funciona desde janeiro de 2003 e virou programa indispensável para turistas de todos os lugares.

O ônibus possui o segundo andar aberto, sistema de áudio em três idiomas (português, inglês e espanhol), câmeras de segurança e janelas panorâmicas. A porta central do veículo é de acessibilidade universal e está servindo de referência para implantação de outras iniciativas similares, no Brasil.

Operado pela Secretaria Municipal de Turismo, o city tour é realizado em duas opções de roteiro – o Centro Histórico e o Zona Sul -, ambos orientados por guias de turismo credenciado no Ministério do Turismo. O ônibus realiza quatro saídas por dia, de terças a domingos.

Roteiro Centro Histórico
Neste city tour o ônibus passa pelos principais atrativos do Centro Histórico e de outros sete bairros, num percurso circular de 26 quilômetros que dura cerca de 105 minutos. Os principais parque urbanos, prédios históricos, centros culturais, estádios de futebol, museus e a parte mais central da orla do Guaíba compõem o cenário do passeio.

Roteiro Zona Sul
Nesta opção de roteiro predominam as atrativas e pitorescas paisagens de cerca de 11 bairros da Zona Sul da cidade, como Assunção, Tristeza e a praia de Ipanema, além de Vila Nova e Belém Velho, tipicamente rurais. O Museu da Fundação Iberê Camargo, de frente para o Guaíba, e o Santuário Mãe de Deus, no topo do Morro da Pedra Redonda, são destaques do passeio. O percurso é de 42 quilômetros, percorrido em aproximadamente 90 minutos. 

Travessa do Carmo, 84 - Cidade Baixa
(51) 3289.0176

» Casa de Cultura Mario Quintana

Segundas-feiras, das 14h às 21h. De terça a sexta, das 9h às 21h. Sábados e domingos das 12h às 21h.

Ocupa o prédio do antigo e chique Hotel Majestic, restaurado em 1990 e tombado como patrimônio histórico do Estado em 1982. O nome faz justa homenagem a um dos mais importantes poetas brasileiros, Mario Quintana, que fez de um dos quartos do hotel sua residência por quase 15 anos.

O centro cultural é um dos mais completos da América Latina. Possui duas salas de teatros com capacidade para 300 espectadores e cinco salas para apresentações artísticas que recebem de 20 a 150 pessoas.

O acesso ao Centro Cultural se dá pelas ruas da Praia e 7 de Setembro, ligadas no térreo por um corredor de paralelepípedos, sempre movimentado pelos freqüentadores do aconchegante Café dos Cataventos, nome inspirado no primeiro livro de poesias de Quintana, a Rua dos Cataventos. O café abre diariamente está aberto todos os dias, inclusive feriados, das 11h30 às 21h, esticando até as 23h nas quintas e sextas. 

Rua dos Andradas, 736 - Centro Histórico
(51) 3221.7147


Nome: Endereço: Atrativos e Roteiros:
Segundas em Porto Alegre
Dias de Chuva
Para Crianças


Parceiros::